Estados conseguem maioria no STF para adiar redução do ICMS de luz e telefone

O Supremo Tribunal Federal (STF) já tem maioria para restringir a decisão que reduziu o ICMS das contas de luz, telefone e internet, o que prejudica o contribuinte. Os ministros estão prestes a bater o martelo sobre um novo modelo de modulação de efeitos – quando há definição de data futura para que uma decisão da Corte entre em vigor.

Download 

ÁREAS RELACIONADASADVOGADOS RELACIONADOS