Sócio das áreas de Fusões e Aquisições, Private Equity e Venture Capital e Societária do Demarest, Paulo Frank Coelho da Rocha é mestre em Corporation Law pela New York University, em Nova York, onde trabalhou por dois anos como associado estrangeiro no escritório Cravath, Swaine & Moore. É autor de diversos artigos relacionados a área e dos livros “Business Laws of Brazil”, West Thompson (2015), e “Brazil M&A”, Donnelley Financial Solutions (2018). Paulo vem sendo reconhecido por vários anos consecutivos como advogado de destaque pelos diretórios jurídicos IFLR1000, Chambers & Partners, The Legal 500, Who’s Who Legal, LACCA, Leaders League, Latin Lawyer 250 e Análise Advocacia 500.

— Assessorou a Digital Realty na aquisição da Ascenty por US$ 1,8 bilhões

— Assessorou a Mohawk Industries na aquisição da Eliane S/A Revestimentos Cerâmicos por US$ 250 milhões

— Assessorou a Kingspan na aquisição da Isoeste Construtivos Isotérmicos por R$ 302 milhões

— Assessorou a Unilever na aquisição da Mãe Terra Produtos Naturais por R$ 290 milhões

— LLM em Corporation Law da New York University School of Law, Nova York, EUA (1997)

— Bacharelado em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, São Paulo, Brasil (1993)

— Officer do Latin American Regional Forum da International Bar Association

—  Past Chair de Lex Mundi

— Membro da Brazilian-American Chamber of Commerce

— Membro do Conselho Consultivo do Working Group on Legal Opinions da American Bar Association

Autor de vários artigos sobre Direito Societário e Comercial, incluindo:
—  ”A new dawn for compliance in Brazil in the wake of the Petrobras scandal”, IBA.

— ”The debate about publication of financial statements by large companies in Brazil”, IBA.

— Coautor do livro “Business Laws of Brazil”, 3ª Edição, WestThompson.

— “O Projeto do Novo Código Comercial e as Atuais Tendências do Direito Comercial”, Revista de Direito Empresarial.

— “A new Brazilian Commercial Code and its Effects on Brazilian Corporate Law”, ACC Docket.

— “Impact of Proposed new Commercial Code on Joint Ventures”, International Law Office.

Português, Inglês e Espanhol