Além do papel

Nem sempre as empresas se dedicam às negociações de contratação, especialmente com fornecedores. Embora haja pressão por baixo custo e grande qualidade, às vezes elas optam por custo ou qualidade. Então, quando os recursos ficam escassos, os movimentos de renegociações e cancelamento de contratos ficam mais intensos, no intuito de manter o que é necessário às atividades vitais. Contratos que apresentam uma relação de custo-benefício ruim tornam-se alvo, sendo que os não essenciais são
logo eliminados e os essenciais, revisitados ou, até mesmo, substituídos.

Download